É oficial: salsichas e fiambre provocam cancro – e agora?

Ontem, a Organização Mundial de Saúde (OMS) emitiu um press release (AQUI) onde classificaram todas as carnes processadas como agentes carcinogénicos (grupo 1 - lado a lado com o álcool, tabaco, etc) . Como carnes processadas definiram, todas as carnes que tenham sido transformadas através de processos como a cura, salga, fermentação ou outros que aumentem o sabor ou melhorem a preservação. Isto inclui geralmente carne de porco e vaca, mas também outras carnes vermelhas, aves ou enchidos de sangue. Referem como exemplos salsichas, fiambre, corned beef, biltong beef jerky (carne seca).  Já as carnes vermelhas, em geral, foram colocadas no grupo 2A como "prováveis carcinogénicos", visto não terem evidências suficientes para coloca-las no grupo 1.

No entanto, segundo a OMS o perigo de cancro associado ás carnes vermelhas (não processadas) apenas está presente se esta for consumida diariamente. Já as carnes processadas, com um consumo de 50g diários (2/3 fatias de fiambre) aumentam o risco de cancro colo-rectal em 18%. 

A minha opinião:Estas carnes já tinham sido consideradas "de risco" em 2007 (WCRF/AICR 2007), sendo que nesse estudo a "culpa" era atribuída aos nitritos e nitratos, tal como outros conservantes adicionados durante a transformação da carne. O que me surpreende neste novo press release da OMS é que não falam de risco associado a aditivos mas apenas citam os processos de transformação. Ou seja, será então que um bacon curado em casa "À antiga" é cancerígeno? Uma naturopata portuguesa comentou esta questão (vídeo AQUI) clarificando e explicando que TODAS as carnes processadas estão incluídas neste grupo. Até o chouriço caseiro (porque é transformado pelo processo de defumação) sem aditivos. Que salsichas e fiambre eram cancerigenos, já todos nós sabíamos...    Sim, o de peru e frango também (curiosamente partilhei um artigo no facebook sobre o fiambre 2 ou 3 dias antes desta notícia sair).  Esses enchidos já não entravam na minha casa há bastante tempo, mas a verdade é que um presunto sem aditivos (os tais de nitritos) de vez em quando vinha cá parar.O que acham disto? Será que é desta que vai desaparecer a moda de comer "rolinhos de fiambre" em dieta? Espero que sim...

Sara, viajeira de corpo & mente, apreciadora de comida saudável (e da outra também) & de tudo o que é bom na vida. 

Blogger & Fisiologista do Exercício, PG Nutrição Clínica

RECEBA AS NOVIDADES

  • Grey Facebook Icon
  • Grey Pinterest Icon
  • YouTube - círculo cinza
  • Grey Instagram Icon

© 2014 - 2019 por Isi Life

Baleal, Ferrel, Portugal